sábado, 1 de maio de 2010

 
Tremo ao sol em silêncio e os teus lábios dizem:
Beija-me… Deixa-me beber do teu amor
Passear pelo teu corpo, dar-te prazer...
Teu pénis erecto, anseia por mim e diz:
Sou teu, para sempre, suga-me e bebe
Meu sumo de amor!
Eu de sexo molhado
Banho-me na àgua fria
Esfriando o meu desejo...
Tu de sexo irado
Aconchegas-te na areia
Fazendo dela réplica de ninho de amor...
E à noite...
Teu corpo treme, e pede:
- Vem toma-me...
- Guarda-me dentro de ti!
O meu corpo estremece e diz:
- Vem entrega-te...
- Prometo-te prazeres sem fim…
E vieste meu amor
E renasceste dentro de mim!
                  Bjs...Mar...

4 comentários:

  1. Que vontade fico quando te leio...

    ResponderExcluir
  2. Descrição deliciosa...

    Beijos linda.

    ResponderExcluir
  3. Eita que delicia amiga........
    Aproveita bem o sabadão viu?
    Beijossssssss

    ResponderExcluir
  4. Fico maravilhado com os textos que são teus, viajo em ti, pelas tuas palavras que estimula a minha criação, sinto sinergia ao ler vc e espero que tb te inspire, já que a respiração é ofegante . . .bjs.

    ResponderExcluir

Compartilhe desejos...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails